30/07/2020 às 12:57, Atualizado em 23/11/2020 às 10:22

Batayporã recebe UTI móvel da JBS como medida de enfrentamento à Covid-19

Ação integra o programa de responsabilidade social da empresa, “Fazer o Bem Faz Bem – Alimentando o Mundo com Solidariedade”

Cb image default

O município de Batayporã tem motivos para comemorar. Isso porque o prefeito Jorge Takahashi e secretária municipal de Saúde, Marcela Leite, receberam nesta quinta-feira (30) uma ambulância de suporte avançado, tipo Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O veículo é fruto de doação da empresa JBS, como uma das ações do programa “Fazer o Bem Faz Bem – alimentando o Mundo com Solidariedade”, ao Fundo Municipal de Saúde de Batayporã, e ficará à disposição do Centro de Triagem ao Coronavírus para reforçar as medidas de enfrentamento adotadas pelo município.

Cb image default

A UTI móvel possui equipamentos modernos e de ponta, necessários para atendimentos de urgência e emergência. O veículo é um Furgão Mercedez, modelo sprinter, adaptado com ambulância padrão SAMU para atendimento pré-hospitalar e transporte interhospitalar.

Batayporã é uma das mais de 270 cidades beneficiadas pelo programa no Brasil. Em Mato Grosso Sul, a JBS fará a doação de R$ 21 milhões, sendo R$ 10 milhões para o Estado e R$ 11 milhões para 16 municípios sul-mato-grossenses, beneficiando mais de 1,5 milhão de pessoas.

“No programa estruturado pela JBS para apoiar o país no enfrentamento ao coronavírus, o pedido por ambulâncias foi uma das principais demandas apontadas no mapeamento feito junto às prefeituras. Essa entrega chega em um momento fundamental para o sistema de saúde da região e é um legado que fica para a cidade e que ajudará a salvar muitas vidas, inclusive depois que tudo isso passar”, disse Gisele Valadares, gerente de Recursos Humanos da unidade da JBS Couros em Nova Andradina.

Cb image default

Para o prefeito Jorge Takahashi é uma grande vitória para a população e o veículo vem somar às ações já desenvolvidas no município para o combate e enfrentamento à Covid-19. “Agradecemos imensamente a empresa JBS por esse presente. Com certeza essa ambulância será muito útil em nossas ações de enfrentamento e necessária para que possamos salvar a vida de muitas pessoas”, enfatizou.

Na mesma linha, a secretária Marcela Leite ressaltou que a UTI móvel vai possibilitar ampliar as ações e melhorar os serviços prestados à população. “Receber uma doação dessa magnitude é muito positivo. Estou imensamente feliz e agradecida a empresa JBS, pois a partir de agora teremos mais agilidade em nosso atendimento de urgência e emergência”, completou.

“Fazer o Bem Faz Bem – Alimentando o Mundo com Solidariedade” - Os R$ 400 milhões que serão doados pela JBS contra a pandemia no Brasil serão aplicados nas três frentes de atuação do programa – saúde, assistência social e ciência. A estimativa é que mais de 76 milhões de pessoas sejam beneficiadas com as ações.

Cb image default
Fotos: Aline Leão/Assessoria PMB

A alocação dos recursos considera um diagnóstico feito com sistemas de saúde municipais e estaduais e incluiu entrevistas e análise de dados. Essas informações foram avaliadas por especialistas dos três comitês independentes do programa da JBS nas áreas de saúde, social e ciência e que, com larga experiência em seus respectivos setores de atuação, apoiaram na definição das ações e projetos atendidos.