07/01/2022 às 10:47, Atualizado em 07/01/2022 às 12:30

Saúde faz alerta sobre alta nos casos de Covid-19 e orienta sobre mudanças no atendimento clínico

Cb image default
Cuidados preventivos ainda são essenciais. Foto: Pexels.

Batayporã reflete o aumento de casos de Covid-19 registrado em todo o País nos últimos dias. Nesta sexta-feira (07), o boletim epidemiológico do município demarca 14 casos ativos e outros 84 suspeitos. Diante dos índices, a Secretaria Municipal de Saúde ressalta o apelo à população para que não abandone os cuidados preventivos, como o uso de máscara e a vacinação completa com primeira, segunda e terceira dose, e também esclarece a mudança na rotina de atendimento às síndromes gripais.

A partir da próxima segunda-feira (10), pacientes com sintomas gripais devem buscar atendimento nas Estratégias de Saúde da Família (ESF) de referência no período da tarde. Exceto na zona rural, o atendimento é ofertado de manhã. A descentralização visa acompanhar a tendência das demais cidades e facilitar o acesso da população ao serviço.

“Tivemos uma reunião com as equipes. Todas as ESF estão organizadas para atender os casos de síndromes gripais no período vespertino. A Vigilância Sanitária também está intensificando as ações de orientação e fiscalização no comércio e demais estabelecimentos”, informou a secretária Letícia Sanches.

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MS) também alertou para a situação. Em matéria publicada na última quinta-feira (06), o órgão afirmou que “comparando a última semana epidemiológica de dezembro de 2021 (SE-52) com a do início deste ano, até o momento, a taxa de positividade subiu para 14% entre os exames RT-PCR realizados pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Mato Grosso do Sul (Lacen/MS)”.

Influenza

Outra preocupação é o vírus da Influenza A (H3N2). Ainda segundo a SES-MS, o Estado possui seis óbitos decorrentes da doença. Os cuidados preventivos são os mesmos adotados contra a Covid-19: usar máscara em ambientes fechados ou compartilhados, higienizar as mãos constantemente com água e sabão ou álcool 70%, evitar aglomerações e se vacinar.

Por enquanto, a vacina contra influenza está disponível nas ESF Santo Antônio e Santa Luzia apenas para a população que não foi vacinada no ano passado. “Essas doses são referentes à última campanha. Em breve a vacinação será ampliada pela campanha 2022. Estamos ofertando o imunizante somente para quem não tomou a vacina em 2021”, enfatizou Letícia.

Vacinação Covid-19

No sábado (08), haverá vacinação contra Covid-19 e contra Influenza, das 7h30 às 10h30, na ESF Santa Luzia. Confira a estratégia:

- 1ª dose para pessoas que ainda não tomaram nenhuma dose da vacina.

- 2ª dose de Pfizer para quem tomou 1ª dose há 21 dias.

- 2ª dose de AstraZeneca para quem tomou 1ª dose há 60 dias.

- 3ª dose para todas as pessoas que tomaram 2ª dose há 120 dias (exceto adolescentes de 12 a 17 anos).

- Reforço da Janssen para vacinados com a 1ª dose há 60 dias.

Vacina contra Influenza (gripe):

- para todos os públicos que não receberam a vacina em 2021.

Cb image default