03/10/2017 às 13:30, Atualizado em 04/10/2017 às 11:40

Em visita à Batayporã, deputado Amarildo Cruz garante apoio à gestão de Jorge Takahashi

Cb image default
Takahashi recebeu o Deputado no gabinete do Executivo

O deputado estadual Amarildo Cruz esteve em Batayporã nesta segunda-feira (2) e foi recebido pelo prefeito Jorge Takahashi no gabinete do Executivo Municipal. O encontro foi reforçado pela presença do presidente da Câmara, Cicero Leite, dos vereadores Mauricio Ribeiro, Cacildo Paião, Denise Pesqueira, Samuel Macedo e Germino Roz, além dos secretários municipais e correligionários.

A visita de cortesia serviu para o Deputado fortalecer parcerias e ampliar as bases políticas no município. Oportunidade em que colocou-se a disposição para a discussão de projetos de interesse da comunidade, bem como para buscar soluções a respeito do impasse da distribuição do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) do município.

“É importante que esse debate seja ampliado para a população de modo que garanta mais transparência e se construa uma distribuição mais justa”, disse o Parlamentar, que também é membro do Conselho de Acompanhamento de Distribuição do ICMS.

Cb image default
Encontro foi reforçado pela presença de secretários, vereadores e correligionários.  Fotos: Thiago Odeque/7ª Arte

O encontro também foi pautado por diversos assuntos em prol de Batayporã, como a questão do impacto ambiental causado no município com a construção da Usina Hidrelétrica Sérgio Mota, uma vez que o Deputado é presidente da Comissão Especial que acompanha o acordo de indenização da CESP (Companhia Energética do Estado de São Paulo); além de algumas das demandas existentes e investimentos para a cidade. Na ocasião, Amarildo Cruz apresentou a relação de recursos viabilizados para Batayporã.

Takahashi agradeceu o apoio do Parlamentar e frisou a importância de parcerias que proporciona melhorias a favor da população. “Nosso mandato é feito de parcerias, independente de siglas partidárias, e quem ganha com isso são os munícipes”, observou.