09/08/2018 às 09:55, Atualizado em 09/08/2018 às 10:19

Takahashi garante apoio à implantação do programa “Mulher Segura”

Cb image default

O prefeito Jorge Takahashi recebeu, nesta quarta-feira (8), no gabinete do Executivo o novo comandante do 8º Batalhão de Polícia Militar, Tenente Coronel Josafá Pereira Dominoni. A visita institucional teve como objetivo apresentar-se oficialmente ao Chefe do Executivo e ratificar a parceria entre a Polícia Militar e a Prefeitura de Batayporã.

Durante o encontro, o Tenente Coronel Dominoni apresentou ao Prefeito os novos planos de segurança para a região que abrange seis municípios, incluindo Batayporã, e o programa “Mulher Segura”, o qual é idealizador e coordenador estadual.

Na ocasião, Takahashi garantiu ao Comandante apoio do Governo Municipal para a implantação do programa de proteção à vítima de violência, que se tornou referência nacional. “Os casos de violência contra a mulher são alarmantes e temos visto isso com frequência nos noticiários. A nós, enquanto poder público, cabe dar chance para que essas mulheres consigam se defender e buscar apoio, por isso vamos oferecer suporte necessário para a implantação desse projeto”, afirmou o Gestor.

O Tenente Coronel Dominoni explicou que o objetivo do programa é garantir às mulheres vítimas de violência doméstica e familiar um atendimento mais humanizado e com maior capacitação técnica, sendo orientadas sobre seus direitos, através de visitas domiciliares da equipe policial, e encaminhadas para a rede de apoio composta de órgãos que se unem para resolver o problema da violência doméstica. 

Cb image default
Fotos: Assessoria PMB

O Comandante ressaltou que uma das ações principais que serão desenvolvidas pelo programa é a fiscalização do cumprimento das medidas protetivas. “As intervenções do projeto irão colaborar efetivamente para a prisão de agressores, tendo em vista à ocorrência da desobediência no cumprimento de medidas protetivas, com isso trazendo resultados bastante positivos”, observou.

A reunião foi reforçada pela presença da titular da Coordenadoria Especial da Mulher (CEMU), Célia de Fátima Amaral.

O Programa – Implantado em 2015, o programa “Mulher Segura” ganhou destaque nacional no ano de 2017 ao ser reconhecido pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública como sendo uma das 10 melhores experiências do país em práticas inovadoras no enfrentamento à violência contra mulher. Com esse reconhecimento passou a figurar como exemplo de política pública de prevenção e erradicação da violência contra a mulher, conforme dispõe a Lei Maria da Penha.