30/04/2020 às 17:09, Atualizado em 23/11/2020 às 11:22

Prefeitura de Batayporã e Concrevia esclarecem atraso em obras de pavimentação asfáltica

“Qualquer boato de que e empresa já recebeu adiantado e entregou as obras em Batayporã é inverídico”, afirma empreiteiro

Cb image default
Foto: Marcos Donzeli/Assessoria PMB

A Administração Municipal tem seus esforços voltados ao progresso de Batayporã, aliado a qualidade de vida e oferta dos serviços básicos a população. E isso pode ser identificado pelas ações e obras que vem sendo executadas no município.

No entanto, além de buscar recursos e planejar o desenvolvimento, o trabalho de fiscalização dos investimentos é diário, uma vez que precisam cumprir contratos e prazos, para que possam ser usufruídos pela população o quanto antes.

Nesta quinta-feira (30), o prefeito Jorge Takahashi reuniu-se com o responsável da empresa Concrevia, Ramiro Saraiva, cobrando mais comprometimento com as obras de pavimentação asfáltica, tanto no que diz respeito a qualidade quanto a agilidade e execução do trabalho.

A reunião também foi acompanhada pelos secretários municipais José Carlos Calanca (Obras, Desenvolvimento Econômico, Turismo e Meio Ambiente); e Sidney Olegário (Administração, Finanças e Planejamento); pelos vereadores Samuel Macedo e Danilo Enz; e pelo engenheiro da Prefeitura, Adenir Albuquerque.

Em Batayporã estão sendo executadas obras em diferentes bairros e que trazem benefícios diretos a população como maior infraestrutura e mobilidade urbana, e segurança. Entre elas, está a recuperação das ruas na Vila Antônia Nantes, as quais já foram realizados a construção de caneletas e uma rede de drenagem, restando apenas a recomposição asfáltica, que soma 70% da obra. O trabalho é executado pelo Município através da empresa Concrevia, vencedora da licitação.

Na Avenida Pedro Liberato da Rocha, já foi realizado a limpeza do pavimento e o próximo passo é compactar o solo e preparar a base para a aplicação do asfalto. A obra de pavimentação é executada diretamente pelo Governo do Estado e contratada.

Existe também a pavimentação de parte da Rua Alcides Sãovesso e algumas vias na Vila Maria Gonçalves da Silva. Obras que foram iniciadas, mas que seguem eventograma imposto pela Caixa Econômica Federal.

Dentro dos investimentos, está ainda o recapeamento de três quadras próximas ao Terminal Rodoviário e Paço Municipal, que serão executadas em breve.

Ramiro explicou que nesse período de pandemia uma das dificuldades é encontrar matéria prima para a execução dos serviços. Segundo o empreiteiro, a usina que fornecia o material está com as atividades paralisadas, mas para que os serviços de pavimento em Batayporã não sofram mais atraso, o material foi adquirido em Dourados e a expectativa é que a empresa responsável cumpra o calendário nos próximos dias.

Esclarecimento - Na ocasião, Ramiro esclareceu que as obras já iniciadas na Vila Antônia Nantes, e Rua Alcides Sãovesso, que consequentemente serão estendidas para as ruas da Vila Maria Gonçalves da Silva, a empresa até o momento não recebeu nenhum pagamento; e que a obra da Vila Antônia Nantes, nem medição foi apresentada ao Município ainda.

“Qualquer boato de que e empresa já entregou as obras em Batayporã é inverídico, e o Município não está em débito com a empresa. Os recursos das obras existem e serão pagos mediante apresentação de medições. Quanto a isso estamos tranquilos, pois iremos concluir todas as obras logo que a fornecedora de massa asfáltica voltar atender seus clientes, jamais iremos fugir de nossos compromissos, pois sempre fomos tratados com respeito pela atual administração”, pontuou o empreiteiro.

O Chefe do Executivo destacou que a reunião serviu para esclarecer algumas dúvidas da administração, bem como dos munícipes que reclamam sobre a morosidade na entrega dessas obras de pavimentação e recuperação asfáltica.

“Somos cobrados pela população em relação a esses investimentos e o seu andamento e não poderíamos deixar de prestar esclarecimentos. Temos cobrado agilidade de todas as empresas que realizam obras em nosso Município, para que nossos munícipes possam usufruir desses investimentos o mais breve possível”, afirmou Takahashi.